Escolha a atitude certa, nunca a pessoa certa

Escolha a atitude certa, nunca a pessoa certa por Andre Kummer
Casal caminhando - Google

As vezes a gente perde totalmente a oportunidade perfeita para fazer o nosso parceirx sentir que é a pessoa que escolhemos.

Quando nos sentimos escolhido, nos sentimos amados.

A escolha não acontece no "grande dia", no vestido bonito ou no terno alinhado. Isso não acontece quando todo mundo está assistindo. 

Escolhemos nossos parceiros nos momentos comuns da vida. 

Escolhemos e sabemos que fomas escolhidos quando escutamos e falamos algumas frases tipos essas:

"Está tudo em, volte a dormir!"
"Você está chateado. Por favor, me ajude a entender."  
"Você pode contar comigo. Eu estarei aqui por você."


Esse tipo de escolha é essencial para a formação de uma ligação saudável, e é encontrada em algo tão simples como uma xícara de café feita do jeito que o outro gosta e oferecida com um sorriso apressado antes de sair para trabalhar.  

Muitas vezes os pequenos momentos de um relacionamento podem ser apagados como sem importância ou irrelevantes, mas é precisamente essas "pequenos" momentos que carregam a maior mensagem do "eu escolhi você, eu te amo, eu vim buscá-lo".

Nós todos compartilhamos do mesmo medo: Você estará lá quando eu precisar de você? 

Saber que escolhemos e fomos escolhidos oferece abrigo e força em qualquer situação.

Se somos capazes de cultivar a prática de escolher ativamente os nossos parceiros em uma base consistente, a confiança forma e preparara o caminho para uma conexão mais profunda do que o amor. Talvez possamos chamar isso de amor-confiança. 

BOAS ESCOLHAS!