Como os narcisistas manipulam suas vítimas

Como os narcisistas manipulam suas vítimas por Andre Kummer
Imagem do Google

Os narcisistas abusadores são incapazes de ter empatia pelos outros e, muitas vezes, os exploram para a seu próprio proveito.

Narcisistas e parceiros com Transtorno de Personalidade Anti-social vivem em manipulação crônica e desvalorização de suas vítimas, deixando que elas se sintam sem valor, ansiosas e até mesmo com vontade de cometer suicídio. 

Esse tipo de manipulação contínua se constitui de um ciclo de idealização-desvalorização-abuso-descarte.

Sua manipulação é psicológica e emocionalmente devastadora e muito perigosa, especialmente considerando os circuitos do cérebro para a dor emocional e física são um e o mesmo . O que uma pessoa sente quando tem seu estômago perfurado por uma faca pode ser semelhante à dor que de um abuso verbal e emocional. 
Os efeitos do abuso narcisístico podem ser incapacitantes e duradouros. Este tipo de abuso pode deixar cicatrizes psicológicas e emocionais que podem durar uma vida.

No entanto, o que torna o abuso narcisístico tão perigoso é que muitas vezes não é reconhecido como abuso.

Profissionais de saúde mental agora estão começando a pesquisar e entender o que é a Síndrome da Vítima Narcisista  , embora quem já passou por isso já saiba e tenha falado e sentido isso há anos. 

O abuso narcisístico é principalmente psicológico e emocional (embora as vítimas também possam sofrer abusos físicos) e os abusadores narcisistas empregam métodos muito sutis e disfarçados para abusar de seus parceiros, assim eles são capazes de escapar da responsabilidade pelo abuso devido à falsa persona que eles apresentam no mundo e no seu círcuo social.

As vítimas muitas vezes se culpam pelo abuso e não são capazes de colocar em palavras o que experimentaram. Uma vez que eles aprendam o vocabulário do abuso narcisista são armados com as ferramentas, as idéias e os recursos para a cura. 

Aprender a linguagem e as técnicas destes abusadores significa estar mais preparado para identificar as bandeiras vermelhas ao interagir com pessoas que apresentam um narcisismo maligno ou traços anti-sociais e podem assim se proteger melhor da exploração e do abuso. Podem estabelecer limites apropriados com o outro e tomar decisões conscientes e claras sobre quem trazem para dentro de suas vidas.

Entender a natureza dessas interações tóxicas e como elas nos afetam tem um enorme impacto sobre o autocuidado. Eu pessoalmente sei quão devastador esse tipo de abuso pode ser, especialmente quando quem foi abusado não é capaz de falar de suas experiências no discurso tradicional sobre o que o abuso significou e é desconsiderado e invalidado por amigos, familiares e até mesmo profissionais de saúde que  não são treinados neste tipo de abuso. 

Os agressores narcisistas andam entre nós todos os dias em suas falsas máscaras, muitas vezes invisíveis e despercebidas. Eles podem ser de qualquer sexo, religião e status socioeconômico. São encantadores, carismáticos e bons partidos. 

É muito possível que você tenha um amigo, um namorado, um colega de trabalho e até mesmo um membro da família com Transtorno de Personalidade Narcisista ou Transtorno de Personalidade Anti-Social em sua vida.

É preciso entender e reconhecer que sua crueldade não é apenas explícita, mas implícita, profundamente enraizada em nuances em suas expressões faciais, gestos, tons e, o mais importante, a incompatibilidade contraditória entre suas palavras e ações. Sua crueldade é deliberada e projetada para controlar e, finalmente, destruir suas vítimas.

Os agressores narcisistas podem atacar em qualquer momento, usando o sarcasmo, comentários depreciativos, insultos e culpa sempre que o percebem como uma ameaça ou sempre que precisam de entretenimento sob a forma de uma reação emocional. 

Eles também podem usar sua linguagem não verbal em forma de um sorriso sádico, com uma frieza fria em seus olhos, enquanto professam o seu amor, assim intimidam e  fazem você acreditar que é inferior a eles. Não adianta andar sobre cascas de ovos para não os irritar, eles vão te achar.

Há três informações-chaves que os narcisistas coletam na fase de idealização da relação, onde eles são os primeiros a cuidar de você com atenção excessiva, e depois usam isso contra você nas fases de desvalorização e descarte em sua linguagem especial de depravação:

1. Os medos, as falhas, deficiências, inseguranças e segredos que você confiou ao narcisista.

O narcisista abusador se alegra quando você compartilhar suas feridas, pois fica mais fácil para eles começar embaixo de sua pele e dentro de sua mente. Durante os estágios iniciais do relacionamento, é provável que você se sinta tão confiante e aberto com um narcisista que você compartilha tudo com eles: o seu passado, seus medos e seus sonhos.

2. Seus pontos fortes e realizações, especialmente aqueles que ele inveja.

Inicialmente,  ele coloca você no pedestal, pois não poderia obter o suficiente de suas forças se não entrega-la a ele. Eles falam bem de para a família e amigos, mostrando-o como um troféu, uma parte essencial dele. Sua associação com você, inevitavelmente, o fez sentir-se superior e importante. Ele reforçou uma imagem falsa de ser um ser sortudo por obter um "prêmio" como você.

Na fase de desvalorização, um narcisista inverterá, literalmente, as suas forças em falhas. Uma vez que você era "confiante e sexy", mas agora é "arrogante e vaidoso." Antes, você era "inteligente e determinado"agora você é apenas um "bobo chato".

Sua repentina mudança de linguagem é traumatizante, chocante e inesperada. Tudo o que uma vez elogiaram será inevitavelmente transformado em uma fraqueza. Isso é porque eles não podem ver você "ganhar" e ser melhor do que eles em algo. Para eles, tudo é uma competição e um jogo onde devem vencer a todo custo. Eles procuram destruí-lo de todas as maneiras possíveis para que você, da mesma fora, destrua e sabote a si mesmo - enquanto eles se sentam, relaxam e assistem ao desenrolar de tudo.

Eles vão ameaçar arruinar sua reputação e sabotar suas conquistas, suas redes de apoio (amigos e familiares)  que você pode ter, tentando colocar todos contra você. Eles irão atropelar seus sonhos, suas aspirações, suas crenças, sua personalidade, seus objetivos.

3. Sua necessidade de agradá-lo e sua necessidade de permanecer insatisfeito.

O narcisista cultivou sua necessidade de validação e aprovação no início da fase de idealização. Ao torná-lo dependente de seu elogio, eles condicionaram você a buscar a admiração excessiva que só eles poderiam dar. Agora, como eles desvalorizam você, usam a sua necessidade de validação como vantagem, retirando o apoio freqüentemente, aparecendo mal-humorados em cada oportunidade, e transformando cada coisa generosa que você faz por eles em um fracasso da sua parte. Nada pode satisfazer seus altos padrões e tudo errado será apontado. Na verdade, até mesmo as coisas que eles fazem de errado são sua culpa.Eles adoram ter a última palavra, especialmente para a linguagem que ele criaram.


Retirar nosso controle e poder de um narcisista abusador significa ir à guerra contra a linguagem que ele usa contra nós. Isto significa procurar validação e apoio com amigos e familiares, obter ajuda profissional na terapia, afastar-se fisicamente dessa pessoa em sua vida, aprender mais sobre as técnicas de abusadores, encontrar grupos terapeuticos de apoio, compartilhar a história para aumentar a conscientização e encontrar as modalidades de cura adequadas que podem nos permitir transcender e prosperar após o abuso.

Podemos canalizar essa experiência de abuso para o nosso bem maior e para um bem maior. Temos de estar dispostos a criar no seu lugar o que eu chamo de "discurso inverso" - uma nova linguagem e uma reescrita da narrativa que  nos eleva, nos motiva, nos inspira e nos revive. substituindo as palavras cortantes do narcisista por nossas próprias palavras de poder e verdade.

Comentários

Entre em contato!

Nome

E-mail *

Mensagem *