O que um gato pode ensinar sobre amor

GATO
Ele atravessou as portas de vidro pela fresta, que mesmo nos dias mais frios eu costumo deixar aberta, caminhando diretamente para mim.
O olhar dele fixo. O meu petrificado.
Ele estava de volta, caminhando em minha direção.
Então viu o pote da ração da minha cachorra e correu até lá, se esbaldando em comer, até ser corrido por ela, como sempre acontecia.
Brulee, meu gato, amarelo e laranja como o creme Brulee, desaparecido há 4 meses adentrava a casa em toda gatice de suas sete vidas.
Sim, era ele e estava de volta.




Com a desordem da construção em minha casa eu havia decidido levá-lo para o nosso sítio a 5km da cidade. Apenas abri a porta do carro e ele caminhou resoluto em direção oposta a casa. Como eu estava ocupado descarregando outras coisas, não dei por conta.
Ele não voltou a noite, nem no outro dia, nem depois. Fiquei no sítio por tres meses.  Era inverno, o sítio fica as margens de uma rodovia movimentada e havia muitos cachorros grandes na vizinhança. Depois de uma semana presumi que ele estava morto.
Estava sendo um tempo de perdas… Pessoas amadas indo embora, meu dinheiro se esvaindo na construção e eu estava apaixonado por uma pessoa que morava longe e não estava sabendo lidar com aquilo.
Brulee havia sido jogado por sobre o muro da minha casa ainda filhote. Eu nunca tive gatos. Adiei sua castração em meio a viagens e muito trabalho por dois anos até que ele fez xixi no banco do carro do vizinho.
Amor em tempos de facebook: Você conhece a pessoa, admira, e um dia percebe que tem algo mais além da amizade.
Eu sempre digo que você está pronto para amar se conseguir cuidar de um animal de estimação e de uma planta. Você consegue lembrar de aguar a planta duas vezes por semana, dar água e comida para seu gato?
Então eu fiquei pensando no que a volta de Brulee significava para mim?

O QUE UM GATO PODE ENSINAR SOBRE AMOR?


O que aprendi sobre relacionamentos à distância?

Qualquer relacionamento exige presença. Somente o desejo se faz na ausência, o amor exige presença.

Na dificuldade da presença física esteja presente virtualmente. Ligue, mande bons dias, ois, boas noites, fotos... Longe dos olhos mas perto do coração.

O amor verdadeiro acorda seus fantasmas e medos e nesse momento é preciso um abraço real. Não tenha dúvida em atravessar o mundo para dar ou receber um abraço em caso de emergências.

Algumas pessoas valem qualquer sacrifício para estar ao lado, mas eu, somente eu sou responsável pelas decisões que tomo.
Brulee tomou a decisão de voltar para casa. Deve ter sido dificil, mesmo para um gato. 
Ele nunca havia saído do meu jardim... e do vizinho.

Deve ter feito uma viagem de gato incrível por muitos quintais, se safado de muitos cachorros e carros, se envolvido com alguma gata... Mas decidiu onde era o lugar dele.

Isso aconteceu um ano atrás. Ele não foi mais embora.

Eu aprendi que quem te ama te encontra.
O QUE EU PROCURO ME PROCURA.
Enquanto escrevo Brulee, agora deitado na cama, espreguiça e afia as unhas na almofada…

O que você aprendeu com seus relacionamentos?